Dividindo uma imagem em várias páginas com ImageMagick

Esses dias, um amigo me pergunta no Google Talk:

duvida de linux
tenho uma imagem
bem grande
e quero que ela seja impressa
em varias paginas
tipo um pedaco numa pagina
outro pedaco em outra

(Antes de prosseguir, uma nota: uma imagem nos formatos JPEG, PNG etc. não possui um tamanho, mas sim uma resolução. Assim, você pode exibir a imagem em qualquer tamanho, mas a resolução provavelmente vai impor limites à qualidade da imagem. Do mesmo modo, uma imagem de, digamos 1900 x 1200 pixels não tem um tamanho definido, mas sim uma resolução, e pode ser impressa tanto numa folha A3, folha A4 ou qualquer outra, variando apenas a qualidade da impressão.)

Quando alguém me fala de processar imagens no Linux, a primeira coisa que me vem a mente é a suíte ImageMagick. Entre as ferramentas do ImageMagick, a que mais uso é o convert, um programa de linha de comando que permite executar inúmeras operações sobre imagens, como converter de formato, redimensionar, gerar negativo, extrair um pedaço etc. etc.

A minha abordagem seria, então, dividir a imagem em pequenas imagens contíguas e retangulares. Para imprimir numa folha A4, por exemplo, as pequenas imagens deveriam ter proporções de uma folha A4. Como fazer isso?

O primeiro passo é descobrir como recuperar um retângulo de uma imagem. Isto é bem simples com o convert, basta utilizar a opção -crop. Para nossa missão, nós usaremos essa opção com uma string na forma

<width>x<height>+<x>+<y>

onde <width> é a largura da imagem resultante, em pixels; <height> é a altura da imagem resultante, em pixels; <x> e <y> são as coordenadas do pixel a partir de onde a imagem será cortada. Desse modo, se quisermos extrair um retângulo de 100 x 100 pixels de uma figura no arquivo lena.png de 512 x 512 pixels a partir do centro, faríamos algo como

convert -crop 100x100+256+256 lena.png output.png

Se a imagem for essa:

Lena Söderberg, SFW

Lena Söderberg, SFW

o resultado do comando acima será:

Resultado do corte da imagem

Resultado do corte da imagem

(Note que a opção -crop pode ser utilizada de outras maneiras. Confira na documentação da opção.)

Agora, precisamos gerar várias imagens a partir da primeira. Para não ficar fazendo isso na mão, podemos usar o comando for junto com o comando seq. (Se você não sabe usar o comando for e o comando seq do bash, essa página explica muito bem como funcionam.) Desse modo, se eu quisesse dividir a imagem da Lena acima em retângulos de 100 x 200 pixels, eu faria algo como:

for i in `seq 0 $((512/100))`; do
    for j in `seq 0 $((512/200))`; do
        convert -crop 100x200+$((i*100))+$((j*200)) \
            lena.png lena-$j-$i.png
    done
done

Estou dividindo a imagem numa planilha de imagens. Para cada linha, eu vou gerar 512/100 +1 = 6 imagens; para cada coluna, eu vou gerar 512/200 +1 = 3 imagens. (Se você não entendeu o “+1″, lembre-se que estamos contando a partir de zero, como em C, Java etc). A primeira imagem será o retângulo que vai do pixel de coordenada (0, 0) até o pixel de coordenada (100, 200); a segunda imagem irá do pixel de coordenada (100, 0) até o pixel de coordenada (200, 200); do mesmo modo, a primeira imagem da linha abaixo irá do pixel de coordenada (0, 200) até o pixel de coordenada (100, 400) etc. etc., contando as coordenadas a partir do canto superior esquerdo.

Ao rodar isso, gerei dezoito imagens. O resultado, que uni em uma imagem só por praticidade, pode ser visto abaixo. As linhas brancas separam as imagens geradas.

A borda branca separa as inúmeras imagens que foram geradas

Lena, dividida

(Note como o convert, ao encontrar um retângulo com um pedaço vazio, gera a maior figura possível. Isso pode ser notado nas bordas direita e inferior.)

Vamos generalizar o algoritmo. Faremos um script que recebe como parâmetro as dimensões originais do arquivo, as dimensões das imagens a serem geradas e o nome do arquivo original. O resultado será algo como

file=$1
originalx=$2
originaly=$3
slicex=$4
slicey=$5
numberx=$((originalx/slicex))
numbery=$((originaly/slicey))

for i in `seq 0 $numberx`; do
  for j in `seq 0 $numbery`; do
    convert -crop ${slicex}x${slicey}+$((i*slicex))+$((j*slicey)) \
        $file $file-$j-$i.png
  done
done

Agora, é só rodar o script dando como argumentos as dimensões originais e algumas dimensões proporcionais ao papel que queremos utilizar. Obteremos imagens que caberão perfeitamente no papel. (Vale lembrar que uma imagem não tem um tamanho em si, mas uma resolução: a qualidade final pode não ficar muito boa, dependendo da resolução da sua imagem.)

Para facilitar o trabalho, vamos juntar todas as imagens em um único arquivo PDF, o que facilitaria a impressão. O convert do ImageMagick pode fazer isso de maneira bem simples: se invocarmos o  convert passando como parâmetro uma série de imagens e, ao final, o nome de um arquivo com extensão .pdf, o resultado será um arquivo PDF com uma imagem por página. Assim sendo, ao chamar algo como

convert fig1.png fig2.png fig3.png one-per-page.pdf

one-per-page.pdf vai conter, ao vai conter, ao final, três páginas. Na primeira, estará fig1.png; na segunda, teremos fig2.png e, na terceira página, estará fig3.png.

Assim, vamos complementar o script criando uma variável que armazena o nome de todos os arquivos gerados (separados por um espaço em branco). Após gerar todas as imagens, vamos colocá-las todas em um arquivo PDF. O script final, você pode vê-lo no pastebin.

Eu apliquei o script sobre nossa imagem, usando as dimensões proporcionais a papel A4 (210 x 297 mm):

./split.sh lena.png 512 512 210 297

O resultado pode ser encontrado aqui. As páginas acabaram em formato A7, mas, se mandar imprimir, elas preencherão toda a folha A4 sem problemas.

O script está disponível para quem quiser fazer qualquer uso dele. Ademais, pode ser melhorado: é possível, por exemplo, fazer com que o ImageMagick descubra ele mesmo as dimensões iniciais da imagem. Entretanto, acredito que ele já possa ser bem útil

Obrigado, Renan Mendes, pela dica sobre como gerar PDFs. A todos, até mais!

About these ads

Tags: , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: